O que morre?

29/11/2021

Francisco Cajazeiras

Você não vira um espectro,

Não vira um féretro…

Você não perde o cetro

Só porque morre…

E você não vira pó,

Também nunca fica só!…

Você não vira a mó

Da vida e morre…

Você não morre e fim.

Nem dorme pra sempre, assim…

Você não some, e sim,

Nasce e renasce ao que morre…

A vida vera no além

Evola e ecoa e vem

A consciência, nem

Mas nem menos. Porém,

Há muita estrada pra frente,

Há multi-espaço! … Estrelas

Que nem nos cabe na mente:

Bem longe estamos de vê-las.